Friday, June 23, 2006

Joãozito Ringo

Aproveito agora
porque falei da Figueira.
Havia o Johnny Ringo,
nessa altura havia uma data de coisas.
Ainda não havia o Fernando's Hideaway,
uma coisa em inglês que não faz mal.
Isto era coisa talvez de 88, oitentinove.
O meu amigo tocava greicelénde com um irmão
que entretango emigrou por dois dedos
de conversa.
Eu tinha na altura um rapaz cunhado
como uma moeda.
O rapaz desapareceu para Leiria,
é longe.
Lembro-me do Johnny Ringo por causa
das coisas.
Lembro-me dos fins-de-ano:
"Tudo está em seu lugar."
Caralho, que eu estou.




Caramulo, foi há bocadito, tarde de 23 de Junho de 2006

3 comments:

Anonymous said...

Aqui Chove. Aqui jazz. Tenho fome.
Como-te as frases, as palavras, os sentidos, a ironia. Depois da digestao nao serei a mesma.
Passo muitas vezes por aqui sem que me sintas os passos.
Beijos mil
de Buenos Aires
Ilda

José Antunes Ribeiro said...

Caro Daniel,
Bom dia!
Venho reafirmar que é um privilégio poder ler-te!
Um abraço do,
Zé R.

ringolir em seco said...

e se o geicelénde era difícil de tocar amigo... contigo a ver e a letra a olhar para mim feita estúpida ao mesmo tempo que os dedos se esqueciam da memória.
Obrigado por ainda alguém se lembrar do que me custaria muito esquecer...agora aquilo dos dois dedos é que... ainda dói. Um beijo muito homo.