Friday, June 30, 2006

Artigos Locais ou Eu Já Apertei a Mão ao Pianista do Herman José

(Quem gosta muito destas brincadeiras é um senhor que casou com a senhora Lina, que até é professora, e ao casamento deles até foi tocar o pianista do Herman José, eu vi porque estava lá, já foi há muito tempo mazeu lembro-me bem porque amigos amigos memórias à parte, modos que escrevi uma data de brincadeiras que parecem japonesas mas não são, quem sabia muito do Japão era o Wenceslau de Moraes porque foi para lá viver há muito tempo, há muito mais tempo do que o casamento da senhora Lina com aquele senhor que é danado para a brincadeira, aqui estão elas, 30yuma delas.)
1) EULA
A palavra eu
em poesia
é outro homem.
Pode significar
mulher.
2) S. JOÃO I
Assaram sardinha morta.
Como era vivo, o cheiro?
3) ISBN
Não pratiques o amor:
só a memória é depositária.
4) DESOBEDIÊNCIA
A tua mãe nunca te disse
"Tira as cuecas!".
Mas tu falo,
perante filhas de outra mãe.
5) O PONTO COME
Hoje, os cavalos não trotam, teclam.
Fremem pela internet.
6) REDE VIÁRIA
Os motéis,
porquinhos-de-mealheiro,
esperam só que tenhamos
uma gaja e dinheiro.
7) S. JOÃO II
Ver-te queria
de manjerico em Novembro.
Isso é qu'era poesia.
8) TVGLOB(O)ALIBRASILAÇÃO
As telenovelas são a retaliação do genocídio.
Nós fodemo-los em 1500.
Eles fodem-nos desde a Gabriela.
9) AO MENOS
As pessoas estúpidas são as mais honestas.
As pessoas estúpidas são as mais.
10) SÃO QUENTIN
Devolveram-me o fato e o relógio.
Mas matei.
11) SPORTING LISSABON ou CELTIC GLASGOW
Uma sacada de feijão verde.
Um intervalo branco.
12) OS FILHOS HÃO-DE IR TODOS PARA A UNIVERSIDADE
Peixe salgado:
vocação cumprida.
13) DIGA TRI
Cona, igreja e respeitinho:
santíssima trindade.
14) INTERVALO PARA COMPROMISSOS COMERCIAIS
Shampoo anticaspoo:
cala-te, Avô Cantigas!
15) SANTO AGOSTINHO, POR EXEMPLO
Perneta de santo:
profissão de fémur.
16) BBC
Do not die on me:
aprende-me a viver, instead.
17) TEORIA DA CONSPIRAÇÃO
S'a braboleta tossir,
temos telejornal.
18) COVA DA IRIA EM SANTA COMBA DÃO
O assassino assassinou
em meses de Fátima:
todos os dias são de Maria.
19) SIMÃO E ARTUR NA AMÉRICA DO NORTE
Tosse-me um cigarro.
20) GRAÇA I
Graças a Deus
não me levo a sério
nem acredito em Deus.
21) GRAÇA II
Acredito na Graça.
Não acredito em mim.
Existo de mais
para isso.
22) RECUERDO
Já bebi para esquecer.
Nunca me esquecia de beber.
23) PENA
Falo com o homem
que transporta galinhas.
Fernando Pessoa existe.
Ele sabe.
24) PRATO DO DIA
A vida é
arroz-batatafrita-salada.
O que se mata
é o resto.
25) UM PROVÉRBIO, C'UM CARAÇAS!
Não guardes para amanhã
o amor feito ontem.
26) CANAL HISTÓRIA
O melhor ano de Estaline foi
1953.
27) VIENA
As minhas mãos olham-me.
Acha normal, doutor?
28) MULHER
Quem na tem, chama-lhe sua.
Quem nã' tem, pé na rua.
29) UMBIGOS
Não gosto.
Sempre sujos de si.
30) O FUNDAMENTAL DA COZINHA
Na sala comedora,
batatas-mártires.
31) OS DIREITOS FUNDAMENTAIS A PARTIR DE 1776 SÃO PARA CHORAR DE RIR E DEPOIS SÓ PARA CHORAR
USA e abusha, filho-da-puta.
Caramulo, manhãs de 29 e 30 de Junho de 2006

3 comments:

G. said...

Daniel, matas-me!!!porra!!!

daniel abrunheiro said...

EHEHEHEH

qualdense qual quê said...

e a mim? 'tou desgraçado há anos...